ruschel

Vitória da vida: Chape festeja sobreviventes, e Barça cumpre papel em festa no Camp Nou (GE)

Alan Ruschel de volta ao futebol 252 dias após o acidente de 29 de novembro – e com boa atuação -, Neto e Follmann trocando passes uniformizados no pontapé inicial, jogadores de Barcelona e Chapecoense abraçados diante de um coração verde no gramado, e um monte de sentimento bom misturado: solidariedade, compaixão, renascimento. A frase “é muito mais do que futebol” foi levada ao pé da letra na noite desta segunda-feira no Camp Nou. Tanto que a goleada de 5 a 0 dos catalães ficou em segundo plano em um troféu Joan Gamper desde sempre apontado como celebração da vida. Messi, como de costume, brilhou e deixou sua marca. Deulofeu, Busquets, Suaréz e Denis Suárez completaram o placar.

Alan Ruschel cumpriu muito bem seu papel na volta ao futebol. Sem medo de divididas, o camisa 28 participou bem do jogo nos 35 minutos em que esteve em campo, buscou tabelas com Apodi pelo lado direito de ataque, ajudou bem na marcação a Jordi Alba e deixou boa impressão para quem ainda colocava em dúvida seu retorno em alto nível. Logo no primeiro toque na bola, o lateral partiu para cima da marcação pelo meio e aplicou bonito drible em Busquets. Em cobrança de falta, mostrou também que a pontaria está afiada ao colocar a bola na cabeça de Luiz Otávio. Mais do que um sobrevivente, como fez questão de ressaltar, mostrou que voltou, sim, a ser jogador profissional.

Share With:
Rate This Article
Seja o primeiro a comentar

Deixe seu comentário